Porto Alegre, 09 de setembro de 2019

Horário oficial do beco da Rua General João Manoel, 18h10, 18 graus, foi um dia de verão

Diariamente eu faço incursões pela mídia da Ásia.  Normalmente, em torno de meia noite, eu acompanho a programação daquele continente.  É preciso considerar que há uma diferença de 11 horas entre o fuso horário de lá e aquele do meu beco em Porto Alegre.

É interessante que há uma forte repercussão do fechamento do mercado norte-americano e uma grande especulação em torno da abertura do mercado europeu que acontecerá algumas horas à frente.

A primeira informação importante da economia da China que eu identifiquei nessa segunda-feira foi na televisão e tem a ver com a estabilidade econômica.

Os preços aos produtores que vinham avançando em terreno positivo até o mês de maio, ficaram zerados em junho e passaram a cair desde então.  O índice de Preços aos Produtores (PPI} registrou incrementos de 0,4% em março, 0,9% em abril e 0,6% em maio. 

A variação foi nula em junho e depois caiu -0,3% em julho e deve registrar uma queda de 0,9% em agosto segundo estimativas locais.  A deflação verificada no Índice de Preços aos Produtores gerou forte repercussão na mídia internacional. 

,,,

Analistas em Hong Kong evidenciam que na comparação anual de 2018 para 2019 até o mês de agosto, a taxa da inflação deve estar variando entre 2,7% a 2,8% ao ano.

A par dos números da inflação, hoje houve também divulgação de dados sobre o comportamento da balança comercial, onde os saldos se mantém positivos e com crescimento nos últimos meses.  Eu tomei conhecimento dos mesmos via canal Bloomberg.

Depois de registrar um saldo de $ 4,12 bilhões em fevereiro, o mesmo cresceu para US$ 32,61 bilhões em março e caiu para US$ 13,81 bilhões em abril.  Posteriormente, houve, praticamente uma mudança de patamar, tendo em vista que o saldo da balança comercial alcançou US$ 41,65 bilhões (maio), US$ 50,98 bilhões (junho), US45,06 bilhões (julho) e US 34,81 bilhões (agosto).

Isso posto, eu começo a perceber que a ideia de estimular a economia está voltando com força.  A propósito houve corte nas reservas dos bancos, conhecidas como Reserve Requirement Ratio (RRR), em 50 pontos básicos, 50 basis points (bps),  para todos os bancos, implicando uma injeção de US$ 126,35 bilhões, algo equivalente a 900 bilhões de yuans.  

Eu não poderia deixar de registrar no blog que durante o fim de semana a cidade de Beijing foi sede do China Development Forum que reuniu executivos de grandes empresas estrangeiras.  Na recorrida virtual pela mídia local dessa segunda-feira, eu tomei conhecimento do evento no site da Xinhua Net.

A ideia era as empresas de fora divulgarem alguns dos seu planos.  Segundo o autor da matéria, o que os empresários citaram varias vezes foram a busca de uma integração mais profunda e a realização de novos investimentos.   Na verdade, estavam em discussão as perspectivas dos negócios e a confiança no mercado chinês.

Uma informação importante que eu li no site é que a empresa não se encontra no local apenas para usufruir a dimensão do mercado.  Ela mira a competitividade e daí o foco na inovação e no valor agregado na cadeia produtiva.   

É como se implicasse migrar de a identificação de produto da China para criação na China.  Aparentemente, eu acredito que hoje já não basta afirmar que se está produzindo na China.  É preciso se beneficiar da inovação e receber o selo de um produto criado na China. 

Outra notícia que me pareceu relevante nas leituras virtuais de hoje foi aquela que vinculava a atividade de lançamento de satélites.  O país conta com algo em torno de 200 satélites em órbita e pretende lançar 100 novas unidades até o ano de 2025.

Segundo a mesma fonte, há mais um satélite agendado para ser lançado ainda no corrente ano e que “visa desenvolver um sistema de alta resolução para observação do planeta”.

Por fim, a mídia divulgou uma série de medidas no âmbito da economia por parte das autoridades locais.  Dentre elas, eu verifiquei que há um objetivo voltado para recorrer a estímulos fiscais visando elevar a produção da suinocultura 

Na hora de encerrar o post eu verifiquei a grande divulgação dada à aposentadoria de Jack Ma, o presidente do grupo de tecnologia Alibaba, com direito a uma festa para 80 mil pessoas.

Boa noite, leitor do blog!

FOTO ABAIXO:  Cruzamento das ruas Riachuelo com Marechal Floriano, Centro Histórico de Porto Alegre, setembro de 2019

 

CHINA, hoje, post 11, 09.08.2019, preços, balança comercial, RRR, fórum, satélites, suinocultura, Jack Ma

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *