Porto Alegre, 09 de outubro de 2019

Horário oficial do beco da rua General João Manoel, 12h10, 27 graus, um dia sem chuva

Na terça-feira o tema dos juros elevadíssimos no cheque especial e no cartão de crédito foi um dos assuntos frequentes na mídia.  Em outubro, entre os principais bancos brasileiros, as taxas cobradas nos empréstimos pessoais variam de 3,99% a 7,89% ao mês.  Já no cheque especial o ranking aumenta para de 9,99% para 14,95% ao mês. 

Lembrando que, nos dois casos citados, o patamar mínimo de taxas de juros praticadas pelos bancos é cobrado pela Caixa Econômica Federal

No âmbito internacional houve recuos no mercado do petróleo e nas bolsas internacionais. 

Em dia de derrocadas expressivas das bolsas internacionais – Nova York, Londres e Frankfurt – o IBOVESPA fechou a terça-feira com um recuo de -0,59%.  A propósito o IBOVESPA já havia registrado queda de -1,93% no dia anterior.    No mercado do câmbio o dólar encerrou em R$ 4,09, com queda de -0,26%. 

O barril do petróleo do tipo Brent fechou em US$ 52,42 com queda de -0,59% e o barril do petróleo do tipo WTI encerrou o pregão em US$ 58,02% com queda de -0,58%. 

No âmbito do mercado do petróleo, a Petrobrás prosseguiu com a sua política de desinvestimentos ao comunicar a venda dos campos de Vermelho Carapeba e Pargo pelo valor total de US$ 398 milhões à empresa Perenco Petróleo e Gás do Brasil .

A quarta-feira amanheceu sem novas sinalizações a respeito de uma possível melhora do desempenho da economia.  Dados recentes divulgados evidenciam que a estabilidade se mantém.  O Índice de Preços ao Consumidor caiu 0,04% no mês passado de acordo com informações divulgadas pelo IBGE.  

Esse comportamento recente dos preços mostra que a taxa SELIC pode ainda não ter parado de cair.  Provavelmente ela enfrentará uma nova queda na reunião de número 226 do COPOM nos dias 29 e 30 do corrente mês porque o comportamento do IPCA de setembro abre espaço para tanto.

Com Maia à frente das negociações e com o retrospecto que eu tenho destacado aqui, em posts anteriores, tudo leva a acreditar que a cessão onerosa será votada hoje no Senado

Boa tarde, leitor do blog!  À tardinha vou tentar elaborar um novo quadro dos percalços da economia internacional.  Se houver informações adequadas, é lógico.

FOTO ABAIXO:  Rua Riachuelo no último dia de chuva no Centro Histórico de Porto Alegre, outubro de 2019. 

 

BRASILIA, distante de todos, post 20, 09.10.2019, a conjuntura econômica atual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *