ARGENTINA, DAS DIFICULDADES SOBREPOSTAS NA ECONOMIA À EVIDÊNCIA DA FÉ NA SAÍDA POLÍTICA

  Docente aposentado (1997) da UFRGS, 76 anos, professor de Cenários Econômicos. Porto Alegre, 23.11.2020, 06:10, 30 graus C, 53 % de umidade  Post 01.14.08 01 Internacional, 14 Argentina  08 número de ordem do post A Argentina vive momentos difíceis.  A recessão

ARGENTINA, instabilidade sempre, post 19, 31.01.2020, o relacionamento com o FMI e o Vaticano

Porto Alegre, 31 de janeiro de 2020 Horário oficial do beco da Rua General João Manoel, 06h10, 22 graus, chove durante o dia O governo argentino prossegue convivendo com um ambiente econômico de muita incerteza.   O presidente está fora.  Creio que

CENÁRIO ECONÔMICO, o que vem por aí, post 29, 17.12.2019, uma publicação sobre o clima

Porto Alegre, 17 de dezembro de 2019 Horário oficial do beco da Rua João Manoel, 18h10, 24 graus, quarta-feira sem chuva Uma das primeiras revistas que eu assinei no começo da minha carreira como professor de economia em 1967 foi

CENÁRIO ECONÔMICO, o que vem por aí, post 17, 16.10.2019, os grandes números na nova edição do Panorama Econômico Mundial

Porto Alegre, 16 de outubro de 2019 Horário oficial do beco da Rua João Manoel, 06h10, 18 graus, prossegue chuva intermitente Há alguns meses eu venho escrevendo sobre a presença de uma recessão econômica na conjuntura internacional.  Antes disso, eu

BRASIL, bom dia leitor do blog em 11.04.2019

Porto Alegre, 11 de abril de 2019 OUTONO INTERNACIONAL 1 UMA NOVA VERSÃO DO PANORAMA ECONÔMICO MUNDIAL DO FMI Ontem eu escrevi sobre a publicação da nova edição do Panorama Econômico Mundial do Fundo Monetário Internacional.  O otimismo das versões

ECONOMIA GLOBAL, ainda o desempenho recente da economia

Ontem eu redigi um post sobre a nova edição do World Economic Outlook (WEO), o Panorama Econômico Mundial, uma publicação semestral do Fundo Monetário Internacional (FMI).  Na oportunidade eu destaquei que o crescimento global de 3,7% ao ano alcançado no

ARGENTINA, da instabilidade recente à nova política cambial

Os problemas argentinos se acumularam desde que eclodiu a crise da Turquia.  Não bastassem as dificuldades que o País já carregava nessa transição dos governos populistas para à gestão Maurício Macri, o peso argentino foi fortemente contagiado pela volatilidade da

ARGENTINA, presidente do Banco Central da República Argentina pede demissão

Luis Caputo era o presidente do Banco Central da República da Argentina (BCRA) até essa manhã.  Maurício Macri está no exterior assim como Michel Temer, ambos estão em Nova York para a Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).